Post Revolucionário ?

29 de mar de 2008 · 2 comentários

Vou transcrever (leia-se colar) um texto postado por Eduarto Marote no seu blog sobre audio "Prztz" que relata o "choque" que ele levou ao se deparar com o novo software Melodyne 2.0. Vou postar o texto na íntegra, pois o texto reflete perfeitamente o que ele sentiu, e o que você vai sentir quendo terminar de ler este post :

"Meu coração bate forte e respiro com dificuldade.

Não foi muitas vezes que isso aconteceu. E estou absurdamente feliz de ter a oportunidade de ver isso rolar na minha frente.

Invenções da tecnologia mudaram drasticamente o futuro de toda a música. Eu nunca imaginaria até poucos dias atrás que 2008 seria um ano que vai ser marcado no futuro com a ocorrência de um desses fatos muito além da expectativa de qualquer músico, produtor, artista ou fã de música.

Se nos anos 40 Les Paul viabilizou a guitarra elétrica. No final dos anos 60 Bob Moog trouxe para os mortais o sintetizador analógico. Em 1979 a Fairlight introduziu o sampler. No início dos 90 a Digidesign inventou o hard disk recording. Logo em seguida a Propellerheads com o Recycle. E em 2000 emplacaram o Reason. E um pouco depois a Ableton revolucionou com o conceito de áudio elástico, agora prepare-se. Sente. Respire. E leia este post com muita calma.

Peter Neubacker, da Celemony, vai chocar o mundo com o Melodyne 2.0. E vai mudar os rumos da produção de música PARA SEMPRE.

Se com o Live todos ganhamos o poder de manipular o tempo de qualquer áudio gravado, a partir do lançamento deste novo software poderemos manipular algo impossível e por poucos imaginado.

Vamos manipular o áudio de instrumentos polifônicos gravados.

Falei grego?

Vamos quebrar acordes.

Um exemplo bem simples. Uma guitarra gravada em do maior, pode virar do menor. Ou fa menor. Ou sol sustenido aumentado. Ou vc pode mutar algumas notas do acorde. Ou vc pode com as teclas de um teclado mudar nota por nota de uma guitarra ou qualquer instrumento gravado.

Imagine um quarteto de cordas gravado. Vc vai poder mudar todas as notas da gravação MESMO SEM TER OS CANAIS SEPARADOS. Como se fosse midi. Mas direto no áudio.

O Melodyne 2.0 literalmente deschava todos os acordes gravados e os separa nota por nota. Com isso vc pode criar melodias, mudar ritmos, mudar acordes, enfim. Tudo.

Imagine "Bohemian Rhapsody" do Queen. Na parte que é só o coro absurdo, você vai poder manipular nota por nota do que Freddie Mercury cantou no estúdio em 1975. E criar novas melodias. Ou só usar algumas vozes. Ou sei lá o quê. Vai poder manipular a harmonia e melodias do coro de Freddie Mercury gravado há mais de 30 anos atrás.

Imagine por exemplo poder manipular todas as partes que contenham só guitarra que estejam em todos os discos, cds, mp3 e áudios de sua coleção.

Imagine manipular orquestras inteiras. Será q o Melodyne consegue? Ou será que só se for um instrumento só? Mas e se eu usar isso pra manipular uma banda inteira, o que será que acontece usando o Melodyne 2 de uma maneira teoricamente errada? E se eu usar isso numa bateria?

Esse cara que vos escreve está embasbacado. Totalmente. Foi muito pra minha cabecinha nascida em 1965. O que vejo na minha frente é uma total mudança de rumos nos destinos da música, e com certeza, muitos novos gêneros que surgirão.

Mashups de hoje virarão coisas de um passado remoto como foram os maneirismos que caracterizaram os primeiros anos de popularização do sampler nos anos 80. Porque agora vc vai poder mudar todas as harmonias de todas as músicas já gravadas no mundo. Pelo menos onde vc tem só guitarra, só metais ou só coro. Mas antevejo que em poucos anos isso será possível com mixagens inteiras. Tenho certeza que em muitos poucos anos.

Meu Deus do céu. É muito. O Melodyne 2.0 tá prometido até junho.

Se vc ainda não acredita ou ainda não entendeu, veja a luz Neste Video."

Clique AQUI para acessar o site do desenvolvedor do software, e obter mais informações!

Soundsnap

16 de mar de 2008 · 1 comentários

No site "Soundsnap" Você pode descobrir,compartilhar, e baixar vários loops e efeitos sonoros de graça! Você pode fazer download das músicas em mp3, wav ou aiff, divididas em várias categorias como: animais, botões, história em quadrinhos (HQ), filmes, exteriores,interiores, Casa, humanos, natureza, industrial,loops de músicas, samples de música, ficção científica, sound art, esportes, transportes,e muito mais! Todos os sons são postados pelos próprios usuários,e você pode postar os seus também!
Muito legal ! Vale a pena conferir!

8notes.com

14 de mar de 2008 · 0 comentários

O site "8notes.com" é um site muito interessante e com muitas informações sobre música.
Lá você encontra partituras,lições para vários instrumentos,Teoria Musical,Biografias,Glossário,Dicionário de acordes,metrônomo,e muito mais!!Em inglês.

Music Theory

9 de mar de 2008 · 0 comentários

O site "Music Theory" desenvolvido por Ricci Adam's, contém muitas informações sobre teoria musical de uma forma bastante didática. O site tem também diversas ferramentas para auxiliar o músico em seus estudos, como por exemplo : Treinadores Auditivos,treinadores de acordes,de escalas,de tríades,etc...
Vale muito a pena conferir!!!
OBS : As lições de teoria tem tradução para várias línguas,incluindo o português!!!!

Solano Music

7 de mar de 2008 · 0 comentários

No site Solano Music tem algumas apostilas bem interessantes para baixar! As Apostilas estão divididas em 3 categorias : Manual de Programas , Teoria Musical e Apostilas Sobre Instrumentos Musicais.
Vale a pena dar uma conferida!

Notação Musical

5 de mar de 2008 · 0 comentários

"...Desde sempre existe um abismo entre a música dita erudita e a popular. A educação musical certamente reflete esta imagem. No Brasil, desde o período colonial e até bem pouco tempo atrás, qualquer tentativa formal de educação musical estava associada à música erudita européia. A notação, por estar inserida neste contexto, ficou com o estigma de representar este gênero musical..."

O conhecimento de notação musical é exclusivo e restrito aos músicos eruditos ? Leia o artigo completo escrito por Luciana Requião e publicado no site cafemusic, clicando aqui, e tire suas próprias conclusões.

Guido D' Arezzo e a Notação Musical

4 de mar de 2008 · 2 comentários

Guido D'Arezzo (992 — 1050) foi um monge italiano e regente do coro da Catedral de Arezzo (Toscana).
Foi o criador da pauta musical e batizou as notas musicais com os nomes que conhecemos hoje: dó, ré, mi, fá, sol, lá e si, baseando-se em um texto sagrado em latim, cantado pelas crianças do coral para que São João os protegesse da rouquidão:

* UTqueant laxis
* REsonare fibris
* MIra gestorum
* FAmuli tuorum
* SOLve polluti
* LAbi reatum
* SAncte Ioannes

Que significa:

"Para que nós, teus servos,
possamos elogiar claramente
o milagre e a força dos teus atos,
absolve nossos lábios impuros, São João"

O sistema de Guido d'Arezzo sofreu algumas pequenas transformações no decorrer do tempo: a nota Ut passou a ser chamada de dó, derivando de Dominus (Senhor, em latim) e a nota San passou a ser chamada de si (por serem as inicias em latim de São João: Sancte Ioannes), enquanto que a pauta ganhou linhas e espaços a mais, embora sua essência continue a mesma.

Leia mais sobre a notação musical e suas origens aqui!


Fonte : Wikipédia

Disco do Mês

Disco do Mês
Mutantes - Tudo Foi Feito Pelo Sol (1974)

Siga o Baterioteca!

Quem sou eu

Eu sou apenas um baterista tosco e amador que aterroriza os vizinhos o dia inteiro.
Nas horas vagas escrevo aqui nesse blog tosco, e toco bateria na banda de apoio do compositor Rafael Sonic.

Ver Perfil Completo

Caixa de sugestões

Seguidores